27/05/2021 às 15h27min - Atualizada em 27/05/2021 às 17h41min

Com faturamento alto, mercado infantil é tendência para e-commerce

O setor movimenta R$ 16 bilhões ao ano e cada vez mais produtos visam qualidade, funcionalidade e segurança. Também por estes motivos está no radar de empreendedores

DINO
http://www.probabybrasil.com.br

Os empreendedores, de um modo geral, viram a necessidade de se reinventar nos últimos anos - tanto por conta da competitividade imposta pelas novas tendências do mercado, quanto pela crise resultante da pandemia de Covid-19. Novos paradigmas foram estabelecidos e a procura por produtos de qualidade ganhou ainda mais relevância entre os consumidores. Se antes o diferencial era ter uma loja virtual, agora este elemento já é considerado indispensável para qualquer comércio, e o reflexo disso fica evidente com o faturamento econômico de determinados setores.

Exemplo deste cenário de desenvolvimento é o mercado de produtos infantis. Segundo pesquisa feita pelo Sebrae (Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas), o setor no país movimenta R$ 16 bilhões por ano e a tendência é a de que esse número aumente, já que o cenário se mostra propício para investidores e suas estratégias de vendas.

Ainda assim, não basta querer aproveitar desta fatia de mercado - é preciso ir além do “mais do mesmo” e, de fato, ofertar algo que gere demanda. Ao pensar em produtos voltados para o bem-estar de bebês e seus pais, por exemplo, uma questão inevitável vem à tona para comerciantes do ramo: como inovar sem comprometer o padrão de qualidade vigente? Há quem tenha sentido na pele a necessidade de buscar - e promover - inovação no mercado por meio de sua experiência e, com isso, encontrou a própria resposta para a pergunta anterior. Gustavo Germinatti, um dos fundadores da empresa ProBaby, relata sua experiência.

Uma ideia em quatro “rodinhas”

“Montamos todo o enxoval: quarto, berço, cama, decoração, roupinhas etc. Mas esbarramos em um problema, não gostamos de nenhum carrinho de bebê. Perto de nosso filho nascer, passávamos horas em frente ao computador, indo a lojas, mas nada atendia às nossas necessidades e expectativas. Era tudo muito simples, pouco funcional, não oferecia nada de mais, e queríamos algo único. Um carrinho que atendesse todas as nossas necessidades, que fosse bonito e, é claro, confortável e seguro para o nosso filho”, relembra Gustavo.

A partir desse episódio, Gustavo e mais um amigo viram a necessidade de trazer para o mercado um diferencial em relação aos carrinhos de bebês e, então, fundaram a ProBaby Brasil. O intuito do e-commerce é oferecer carrinhos que possam unir tecnologia e funcionalidade para aqueles que buscam proporcionar conforto para seus filhos: para além do produto, a oferta de uma solução realmente efetiva.

Os e-commerces, como o de Gustavo, são tendência, mas não novidade, como pontuado anteriormente. Lojas com sites interativos, acesso fácil a produtos através de dispositivos móveis, entregas rápidas, opções diferenciadas e personalizadas, incorporação de mecanismos diversos de pagamento (PayPal, Apple Pay etc.), além do já conhecido cartão de crédito, são algumas das estratégias presentes nos mercados, hoje, como requisitos mínimos para se manter em competitividade com a concorrência.

Produtos para além da estética: funcionalidade e segurança

Fora os aspectos relacionados ao e-commerce, é muito importante, segundo Gustavo, que o produto apresente, além de estética, funcionalidade e segurança. Isso porque se trata de um produto para crianças e, consequentemente, os cuidados devem ser redobrados.

Há também a orientação dada pelo Dr. José Luiz Setúbal, médico pediatra, que organizou uma lista de cuidados que se deve ter com os carrinhos de bebês. O conteúdo foi publicado no portal do Instituto Pensi de Saúde Infantil e, entre os pontos de destaque, estão: não deixar o bebê sozinho no carrinho; sempre afivelar o cinto de segurança em torno do bebê quando levá-lo para um passeio de carrinho; usar os freios que ajudam a parar o carrinho no meio do caminho e, por fim, certificar sempre se o carrinho está bloqueado antes de colocar o bebê nele.

Para mais informações, basta acessar: www.probabybrasil.com.br



Website: http://www.probabybrasil.com.br
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Informações indisponíveis

0