01/06/2021 às 14h00min - Atualizada em 01/06/2021 às 16h00min

Obesidade - um problema a ser enfrentado no Brasil

A obesidade é um dos problemas mais importantes que a saúde pública enfrenta hoje no Brasil

DINO
http://www.farmabit.com.br

A obesidade é um dos problemas mais importantes que a Saúde Pública enfrenta hoje no Brasil e em outros países do mundo. A Organização Mundial de Saúde (OMS) considera que, atualmente, nos países desenvolvidos, ela seja o principal problema de saúde a se enfrentar.

Por que as pessoas estão engordando tanto? De onde vem esse desespero pela comida e a dificuldade para perder peso? A resposta, por certo, poderá ser encontrada nas raízes evolucionistas do homem. Há 50 mil anos, os homens já tinham grande dificuldade para conseguir alimentos.

A possibilidade de estocá-los é contemporânea ao advento da agricultura há 10 mil anos, um segundo em termos evolucionistas. Essa carência alimentar moldou o cérebro humano de tal maneira, que ele busca obter o máximo de calorias possível para mobilizar energia acumulando-a sob a forma de gordura que, teoricamente, será usada nos períodos de fome provocados pela escassez de comida.

Entretanto, no mundo moderno, a realidade é bem diferente. A geladeira pode conservar alimentos variados por dias e semanas. Basta abri-la para saboreá-los. A propaganda incita a comer produtos altamente calóricos por preço razoável. Basta uma ligação telefônica para se ter comida de diversos tipos e nacionalidades entregue, em poucos minutos, na porta das casas.

O cérebro condicionado em tempos de penúria agora encontra fartura e o mecanismo evolucionista que selecionou pessoas capazes de acumular gordura, decisão inteligente no passado, se volta contra elas. Reverter esse processo é tarefa árdua e muitas vezes inglória. No entanto, é preciso estar alerta. O excesso de peso está associado a uma série de doenças que comprometem a qualidade e a duração da vida.

Estas informações foram publicadas na revista científica Revista Saúde (Santa Maria) em janeiro de 2021. A pesquisa incluiu 20 estudos científicos e está disponível na íntegra através do link https://periodicos.ufsm.br/revistasaude/issue/view/2206



Website: http://www.farmabit.com.br
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Informações indisponíveis

0