04/07/2022 às 20h53min - Atualizada em 04/07/2022 às 20h53min

Preço da gasolina cai em Florianópolis três dias após implementação do teto do ICMS

Anúncio da incidência do imposto estadual em até 17% foi realizado no último sábado; preço já vem apresentando queda desde a "retirada" da alíquota federal

Marcos Antonio - Marcos Imprensa
MARCOS JORDÃO, FLORIANÓPOLIS
Posto de gasolina, preço da gasolina, preço do combustível, posto de combustível, – Foto: Marcos Jordão/ND
Os motoristas de Florianópolis encontraram o preço do litro da gasolina mais barato nos postos de combustível nesta segunda-feira (4), três dias após o anúncio do governo estadual de reduzir o ICMS (Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços) de 25% para 17%.
A reportagem do ND+ visitou postos de combustíveis na região central de da Capital e encontrou a gasolina comum sendo vendida entre R$ 6,69 até R$ 6,39.


O gerente de um dos estabelecimentos, localizado no bairro Carvoeira, conta que o preço do combustível está passando por baixas desde o último sábado (2).

“Primeiro, a gente baixou pra R$ 6,69. No fim do sábado caiu para R$ 6,66. No início da tarde de hoje [segunda-feira] mudamos para R$ 6,56. A redução até melhorou o movimento. Nós vamos monitorando os demais preços e a expectativa é que fique ainda mais barato assim acabar o que tem em estoque”, conta Adilson Santos.

De acordo com a pesquisa semanal da ANP (Agência  Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis), realizada entre o dia 26 de junho e o último sábado (2), o preço médio da gasolina comum encontrado nos 34 postos de combustível da Capital foi de R$ 6,87. Ou seja, o estabelecimento do bairro Carvoeira registrou uma redução de R$ 0,18

O condutor que pesquisar em outras unidades pode encontrar a gasolina sendo comercializada por até R$ 6,35 em unidade próxima do CIC (Centro Integrado de Cultura).

Expectativa para os próximos dias

O vice-presidente do Sindópolis (Sindicato do Comércio Varejista de Combustíveis Minerais de Florianópolis), Joel Fernandes, afirma que os postos estão se adequando ao novo preço repassado pelas distribuidoras.


“É possível encontrar a gasolina na casa dos R$ 5,90 no Sul da Ilha de Santa Catarina. Os revendedores ainda estão se adaptando e assim deve seguir pelos próximos dois ou três dias. Porém, a expectativa é que o preço permaneça em uma média de R$ 6,20 e R$ 6,30 ao menos até o fim do ano quando a lei tem validade”, complementa Joel Fernandes.
Entenda o que mudou

O governador Carlos Moisés (Republicanos) assinou, na última sexta-feira (1º), a Medida Provisória que coloca o combustível, gás natural, energia elétrica e comunicações na “lista” de serviços considerados essenciais e indispensáveis, ou seja, com o teto do ICMS estabelecido em 17%. Anteriormente, a alíquota da gasolina era de 25% em Santa Catarina.

Antes disso, o presidente Jair Bolsonaro sancionou, por meio de Medida Provisória, a redução dos impostos federais – PIS/Pasep, Confins e Cide – sobre a operação da gasolina, exceto de viação, para zero até 31 de dezembro de 2022.

Estados adotam medida


De acordo com a Agência Brasil, pelo menos 20 estados já anunciaram a redução do ICMS sobre os combustíveis. Entre eles, os governadores do Ceará e Amazonas fizeram o anúncio nesta segunda.

São Paulo foi pioneiro em anunciar a redução do ICMS. Além disso, Minas Gerais, Goiás, Paraná e Amapá também realizaram o corte, afirma a Agência Brasil.
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp