14/01/2020 às 14h48min - Atualizada em 14/01/2020 às 14h51min

Coletânea desvenda os marcos do recente projeto republicano brasileiro

Pesquisadores avaliam as causas da atual insatisfação generalizada diante da crise política, econômica e moral que o país enfrenta

DINO
http://www.pluricom.com.br/clientes/fundacao-editora-da-unesp/noticias/2020/01/coletanea-desvenda-os-marcos-do-recente-projeto-republicano-brasileiro

As eleições municipais de 2020 se aproximam e a discussão sobre os últimos episódios políticos marcantes, incluindo da Operação Lava Jato às reformas propostas pelo governo federal, voltam a ficar em evidência. Em um cenário de polarização política cada vez mais acentuada e claras tendências de redução dos direitos construídos desde o retorno à democracia, assim como de desmonte das políticas setoriais que os efetivaram, a investigação do contexto que direcionou o país para o momento atual se torna essencial. É o que propõe o livro coletivo As políticas da política - Desigualdades e inclusão nos governos do PSDB e do PT, organizado por Marta Arretche, Eduardo Marques e Carlos Aurélio Pimenta de Faria, lançamento da Editora Unesp em parceria com o Centro de Estudos da Metrópole.

"No momento em que a reforma das políticas preconizadas pela Constituição de 1988 está no centro da agenda política, este livro é uma tentativa coletiva de compreender como o país chegou ao momento de crise econômica, corrupção generalizada e irresponsabilidade fiscal", explicam os organizadores, para quem o livro proporciona uma detalhada análise sobre os percursos de construção das políticas que emolduram o Estado brasileiro no final da década de 2010. "O diferencial é a utilização de dados empíricos para examinar questões como a agenda de proteção social de diferentes partidos, as políticas de redistribuição de renda adotadas, a questão tributária e sua relação com a desigualdade social e econômica vivenciada nos dias de hoje."

A obra indica que ao mesmo tempo que o conjunto de direitos e as políticas construídas para garanti-los que chegou ao seu ápice desde nosso retorno ao regime democrático, ganharam centralidade no debate político vozes que defendem explicitamente agendas de desmontagem de direitos e de redução da proteção social. "As perspectivas civilizatórias de uma transição para a Nova República parecem ter se convertido em insatisfação generalizada diante de uma crise política, econômica e moral sem precedentes." O momento para a análise dessas transformações não poderia ser mais oportuno e, ao fazê-lo com o devido rigor científico, este livro adensa os debates sobre nossas políticas e sobre a construção de ações equitativas e inclusivas pelo Estado brasileiro.

Sobre os organizadores - Marta Arretche é professora titular do Departamento de Ciência Política da USP e diretora do Centro de Estudos da Metrópole (CEM). Eduardo Marques é doutor em Ciências Sociais (IFCH/Unicamp), professor titular do Departamento de Ciência Política (DCP/USP) e vice-coordenador do Centro de Estudos da Metrópole (CEM). Carlos Aurélio Pimenta de Faria é doutor em Ciência Política (Instituto Universitário de Pesquisas do Rio de Janeiro - Iuperj, 1997) e professor da Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais (PUC Minas).

Título: As políticas da política - Desigualdades e inclusão nos governos do PSDB e do PT
Organizadores: Marta Arretche, Eduardo Marques e Carlos Aurélio Pimenta de Faria
Número de páginas: 487
Formato: 16 x 23 cm
Preço: R$ 78,00
ISBN: 978-85-393-0818-7

Mais informações sobre os livros publicados pela Editora Unesp estão disponíveis no site: www.editoraunesp.com.br



Website: http://www.pluricom.com.br/clientes/fundacao-editora-da-unesp/noticias/2020/01/coletanea-desvenda-os-marcos-do-recente-projeto-republicano-brasileiro
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »