21/02/2020 às 09h50min - Atualizada em 21/02/2020 às 10h12min

Soluções híbridas de energia no mundo Telecom: o caminho das pedras

Uma parte expressiva dos custos do Data Center vem de gastos com energia. Uma forma de abordar esse desafio é avaliar o uso soluções híbridas de energia – incluindo eletricidade gerada por energia solar e por energia eólica.

DINO

Uma parte expressiva dos custos do Data Center vem de gastos com energia. Uma forma de abordar esse desafio é avaliar o uso soluções híbridas de energia - incluindo eletricidade gerada por energia solar e por energia eólica. Às vésperas da chegada da rede 5G, que irá ampliar ainda mais o consumo de dados e, por consequência, a demanda por infraestrutura crítica digital, vale a pena examinar em detalhes como adotar sistemas híbridos de energia no segmento de Data Centers de Telecom.

É fundamental entender que, na hora de avaliar soluções híbridas para o site de Telecom, não há uma solução universal - uma única resposta para todas as demandas. Devem ser feitas várias considerações, incluindo as diferenças no clima do local onde opera o Data Center de Telecom, nos objetivos da implementação, nas condições do site e nas expectativas de uso de sistemas híbridos de energia nesse site. Ou seja, o que funciona bem em uma aplicação, pode não funcionar em outra.

Ainda assim, o fato de que soluções híbridas podem trazer economias significativas ao setor de Telecom têm despertado o interesse por essas novas tecnologias.

Aqui estão alguns pontos a serem examinados antes de implementar soluções híbridas no Data Center de Telecom:

Autonomia

Autonomia se refere a quantidade de horas por dia que um sistema de baterias fornecerá alimentação a uma dada carga, sem a necessidade de recarga. Geralmente, também se refere ao número de dias "sem sol". Fica claro, portanto, que padrões e condições climáticas devem ser considerados.

Bateria

A bateria é geralmente usada como armazenamento de energia na maioria das verticais de mercado e o setor de Telecom não é uma exceção. Não há dúvida de que a tecnologia de baterias foi desenvolvida e refinada ao longo dos anos para diferentes tipos de aplicação. É fundamental escolher a bateria cíclica correta ao projetar um sistema de baterias para sua solução híbrida.

Horários de Operação da Rede Elétrica

A estabilidade e a disponibilidade da rede tradicional são importantes. Conhecer os horários da rede (por ex., downtimes planejados) e a disponibilidade, também. Nos casos onde a rede é instável e imprevisível, pode ser necessário um gerador para fornecer backup.

Carga

Saber que tipo de carga elétrica você está usando afetará a eficiência geral. Enquanto alguns ainda usam alimentação de energia em CA, isso pode ser ineficiente. Alimentação de energia em CC ainda é a carga ideal, é mais eficiente e tem melhor custo-benefício.

Refrigerar ou Aquecer

Outra consideração a ser feita é o gabinete externo usado para abrigar as baterias e o equipamento de energia híbrida. Isso inclui, por exemplo, se deve ser usado um sistema de refrigeração ou um aquecedor para moderar as temperaturas de forma a garantir um desempenho ótimo das baterias e do equipamento de energia. O consumo de energia desse equipamento contribuirá para a quantidade de carga demandada de uma solução híbrida.

Solar

A exposição ampla à luz solar direta durante a maior parte do ano torna a energia solar uma fonte de energia confiável e viável na maioria dos países asiáticos e latino-americanos. O uso de módulos fotovoltaicos para transformar os raios solares em energia viável é geralmente implantado pelos players de Telecom, especialmente em locais remotos.

Órgãos como o Grupo de Energia Solar e Meteorologia de Superfície da NASA fornecem tendências da energia solar para ajudar organizações a compreenderem a viabilidade da implementação de uma usina de energia solar em uma determinada área. Esses dados cobrem todo o planeta.

Gerador

O uso de geradores CA tradicionais para dar suporte a um sistema alimentado por CC (ou como uma fonte de energia reserva) é bastante comum na indústria de Telecom. Portanto, escolher o gerador certo que traga benefícios para o CAPEX e para o OPEX é importante. Alguns dos fatores a serem examinados incluem consumo de combustível (incluindo tamanho e capacidade de armazenamento do tanque de combustível); períodos de manutenção (incluindo custos de reabastecimento, custo de deslocamento para áreas remotas, frequência de revisitas ao Data Center de Telecom) e o rastreamento de desempenho e alarmes.

Espaço

No caso de sistemas baseados em energia solar, um local sem sombra é fundamental. Mesmo um pouco de sombra cobrindo um painel solar pode reduzir significativamente o seu desempenho.

Gerenciamento de Energia

Como a maioria das aplicações híbridas tem sido adotadas em áreas remotas, é recomendado incorporar uma solução de monitoramento remoto para melhorar a gestão operacional e, ao mesmo tempo, garantir um monitoramento e uma comunicação mais abrangente.

As soluções e os serviços para apoiar a adoção de sistemas híbridos de energia já estão no mercado. Uma abordagem consultiva, com a colaboração de experts de alto nível, pode colaborar para que as melhores decisões sejam tomadas nesse momento de profunda transformação do setor de Telecom.

*Carmen Teng, Engenheira de Aplicações Sênior na Vertiv Ásia, é especialista em soluções de sistemas de energia para Telecom.

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp