31/08/2022 às 20h45min - Atualizada em 31/08/2022 às 20h45min

Mãe descobre filha viva durante velório ao notar vidro de caixão embaçado

Criança de três anos havia sido dada como morta pelos médicos, mas família percebeu que estava viva durante o velório

Redação - Marcos Imprensa
NDMAIS
Uma família do México sofreu a dor da morte da filha duas vezes: dada como morta pelos médicos, a criança de três anos acordou no próprio velório. Salva pela família, porém, acabou morrendo a caminho do hospital.Ao jornal El Universal, Mary Jane Peralta, mãe da pequena Camila, disse que a filha começou a apresentar dores no estômago, febre e vômito no dia 17 de agosto.
 

Diante disso, a família decidiu levar a filha a um pediatra na cidade de Villa de Ramos, onde moram.O médico, porém, orientou os pais de Camila a transferirem a criança a um hospital, já que ela estava com desidratação. Assim, a menina foi levada ao Hospital Comunitário Básico de Salinas de Hidalgo, onde prescrevem soro e remédios, mas não houve melhora no quadro de saúde.

A família decidiu, então, consultar um médico particular em outro município. Mais uma vez, medicamentos foram receitados, assim como hidratação. Porém, não houve nenhuma melhora novamente, o que fez os pais voltarem ao hospital, onde foi declarada morta.

“Eles a pegaram sem nada e desligaram, não fizeram eletrocardiograma. Ela ainda me abraçava, senti a força da minha menina, eles a tiraram de mim e me disseram: deixe ela descansar em paz ”, contou Mary Jane. A mãe disse que não conseguiu mais ver a filha até o momento em que a funerária entregou a criança já no caixão.



Família descobriu que menina estava viva durante o velório

Durante o velório, que aconteceu no dia seguinte, Mary Jane percebeu que o caixão estava com o vidro embaçado. Ela insistia para abri-lo, até que a sogra notou que os olhos de Camila estavam se mexendo. Então, tomaram o pulso da criança, que estava viva.


A família chamou uma ambulância e a menina foi levada ao hospital. Porém, ao chegar à unidade, os médicos declararam a morte da Camila, desta vez de verdade. “Estamos arrasados porque minha menina era uma pessoa muito feliz”, diz a mãe. Agora, a família busca justiça.




 
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp