26/09/2022 às 14h30min - Atualizada em 28/09/2022 às 00h05min

Setembro Amarelo: palestras elucidativas são ferramentas importantes para toda a sociedade e podem evitar o suicídio

A comunicação afetiva e humanizada auxilia aqueles que precisam de apoio e esclarecimentos sobre o assunto

SALA DA NOTÍCIA Alessandra Siegel

Divulgação
Como acolher humanos fragilizados emocionalmente e mentalmente através das estratégias dos algoritmos? Esse é o tema da palestra que Anderson Mendes, educador em Saúde Mental, irá realizar no dia 30 de setembro, às 20h30. Promovida pela Universidade Unigran Psicologia de Mato Grosso do Sul, a palestra será aberta ao público em geral, online e gratuita.

Na mesma data, Anderson Mendes falará sobre ‘Fechando o setembro amarelo e abrindo reflexões com ações para saúde existencial’, palestra promovida pela Universidade Cruzeiro do Sul, curso de pós-graduação em Suicidologia. O evento será online e gratuito.

Educador em Saúde Mental e professor em cursos de pós-graduação em Suicidologia, Anderson Mendes é especialista em comunicação voltada para promover a conexão afetiva entre humanos que estejam em conflito, não só durante a campanha Setembro Amarelo, mas durante todo o ano.

A experiência de Anderson Mendes não se resume apenas na teoria. Autor do projeto “Depressão não é frescura!” (livro, programa de rádio e websérie sobre o assunto), o especialista esclarece: “já tive dois casos de suicídio na família e conheci muitos enlutados durante os anos de minha pesquisa, iniciada em 2013, além do trabalho voluntário dentro deste universo. Além disso, os estudos mostram que a depressão é o maior fator de prevalência dos transtornos mentais relacionados ao suicídio. A crescente estatística, ano a ano, principalmente com o público jovem, fez com que minha preocupação com esse público fosse cada vez maior”, completa.  

O projeto Depressão não é Frescura inclui o livro (físico comercializado e virtual de forma gratuita no link https://www.depressaonaoefrescura.com.br/livrogratuitoform), que dá nome à ação, eventos presenciais e virtuais, além da criação da websérie sobre saúde mental ao lado de Mário Sérgio Cortella, Clóvis de Barros, Monja Coen e diversos especialistas da USP que discutem o tema. O terceiro episódio da série é dedicado ao suicídio. A série completa está disponível em https://www.institutogentefeliz.com.br/serie-dnf.

Fundador do Instituto Gente Feliz, Anderson Mendes é formado em Comunicação Social e, desde 2011, estuda e atua em projetos sobre saúde mental dentro dos ambientes corporativos, escolares, entre outros.

Serviço
Dia 30 – Setembro Amarelo – 19h às 20h15
Tema: Fechando o setembro amarelo e abrindo reflexões com ações para saúde existencial
Promovido pela Universidade Cruzeiro do Sul, curso de pós-graduação em Suicidologia.
Gratuito – pelo canal https://www.youtube.com/user/UnivCruzeirodoSul/featured

Dia 30 – Setembro Amarelo – Intervenções e Ressignificações – 20h30
Tema: Como acolher humanos fragilizados emocionalmente e mentalmente através das estratégias dos algoritmos? Com Anderson Mendes
Promovido pela Unigran Psicologia
Inscrições gratuitas: https://eventos.unigran.br/setembroamarelounigran2022/

 


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp