14/04/2021 às 17h40min - Atualizada em 30/04/2021 às 10h40min

Com a volta das atividades presenciais, a consultoria visagista tende a ser mais procurada

Como mostrar a personalidade e as qualidades através da imagem profissional? Com a volta das atividades, o uso intensivo do digital fez com que as pessoas voltassem mais o olhar para si, e para se destacar no mercado de trabalho, que está cada vez mais concorrido, a criação de uma identidade profissional com a consultoria Visagista se torna um diferencial.

DINO
https://birodevisagismo.com.br/
Medindo o rosto com ferramenta de Visagismo

Segundo o Consultor de visagismo, Robson Trindade, a concorrência no mercado de trabalho faz com que cada vez mais as pessoas tenham que se destacar e apresentar a sua melhor versão. A aparência é a primeira impressão da imagem profissional.

A pandemia aumentou a contemplação da imagem do eu, com a participação em conferências e encontros virtuais. De acordo com uma estimativa da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica (SBCP), houve um aumento de 50% na busca por soluções estéticas no período de isolamento social, dados relatados pelo Diário da Manhã em dezembro de 2020.

Segundo a Ms. Prof. de visagismo, Tania Trindade, o uso intensivo das redes sociais fez as pessoas se questionarem devido a essa grande presença online, com a admiração do "eu", depois do uso de filtros, principalmente no Instagram, as pessoas passaram a almejar o resultado do filtro na vida real.

Dados do ano de 2019 mostram que 55% dos cirurgiões relataram ter visto pacientes solicitando procedimentos para “melhorar sua aparência em selfies”. Houve um aumento de 13% em relação ao estudo anterior, que tinha um percentual de 42%, segundo a Academia Americana de Cirurgia Facial Plástica e Reconstrutiva.

Tania Trindade ressalta que atualmente, o perfil profissional nas redes tornou-se um portfólio do profissional de beleza, um meio em que ele pode divulgar o trabalho com as clientes e por meio deste conquistar outras novas. O marketing digital se tornou grande parte do negócio. O profissional multifunção se destaca, como o Consultor visagista Robson Trindade, que dá aulas de MBA de visagismo, sempre atualiza o blog do Birô de Visagismo, que é um espaço virtual de dimensão criativa, negócios e  inovação para  adequação de imagem, além de fazer diversas lives para se conectar com a sua clientela.

As redes sociais são esse intermédio mais próximo entre o consumidor e o prestador de serviços. O visagismo tem estado em alta, devido à nova demanda do home office, em que o uso da imagem pessoal para a profissão se tornou mais requisitado.

Se sentir bem consigo mesmo é uma busca constante, mas trabalhar a imagem profissional é essencial para passar uma compleição de profissionalismo e responsabilidade. O objetivo do visagismo é fazer transparecer as qualidades profissionais pela imagem. É uma busca para redescobrir e recriar a identidade.

O visagismo já existia ao longo dos anos, mas não era nomeado. Estava presente na arrumação para um evento e na adequação através de recursos pessoais, por exemplo, manifestando uma atenção para o eu, de forma a construir a imagem pessoal. A origem do nome visagismo vem da palavra francesa "visage", que significa rosto.

De acordo com a jornalista e historiadora Ana Carlota Vita (2020), o culto à imagem pessoal começou no século VI a.C. na Grécia, de onde surgiu a expressão Deusa Grega para elogiar a beleza de alguém. O termo era usado porque era considerado o mais próximo da perfeição, devido à ligação da arte com a matemática, e a relação com a perfeição geométrica.

A professora Thaís Trindade traz a definição de visagismo como "a ciência que proporciona aos profissionais da área da Saúde na plataforma da beleza a possibilidade de desenvolver de forma mais assertiva a imagem desejada, podendo ser imagem pessoal, imagem social, imagem profissional e acompanhando o atual momento, a imagem midiática. Essa técnica busca revelar belezas escondidas e unificar a imagem pessoal de acordo com a personalidade da pessoa".

Trindade (2013) cita Audry ao explicar a técnica visagista como uma análise que contempla o tipo físico, profissão, personalidade, traços pessoais, e a partir dessas definições passa a planejar uma imagem harmônica e simétrica.

Ainda segundo Ana Carlota (2020), padrões de beleza mudam de acordo com a sociedade, local e época vivenciados, mas o visagismo é uma nova abordagem levando em conta as características pessoais para a formação da imagem pessoal, personalizando a beleza. Uma abordagem que ressalta o eu. O profissional da imagem transforma o visual de acordo com a imagem que a pessoa deseja transmitir.

Por Gabriela Carvalho

Referências:

Munhoz, Bruna. Cirurgia Plástica X Redes Sociais: Os Filtros Estão Influenciando O Conceito De Beleza? ItLife. 10. mar. 2020. Acesso: 10. fev. 2021. Disponível em: <https://itlife.com.br/portal/cirurgia-plastica-x-redes-sociais-os-filtros-estao-influenciando-o-conceito-de-beleza/>

Procura por procedimentos estéticos aumentou durante a pandemia. Diário da Manhã. 20. dez. 2020. Acesso: 09. fev. 2021. Disponível em: <https://www.dm.jor.br/saude/2020/12/procura-por-procedimentos-esteticos-aumentou-durante-a-pandemia/>

Trindade, Robson. Conceitos do Belo que influenciam o Visagismo. São Paulo: Ed. Murof, 2013. Disponível em: <https://livrosdevisagismo.com.br/>

VITA, Ana Carlota Régis. História da maquiagem, da cosmética e do penteado: Versão para o Século XXI. São Paulo: FCT Editora, Ed. 01, 2020.



Website: https://birodevisagismo.com.br/
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »