24/11/2022 às 08h38min - Atualizada em 24/11/2022 às 08h38min

Mulher bebe e é recebida em casa com paulada pelo companheiro em São Miguel do Oeste

A agressão ocorreu na madrugada de quarta-feira (23), no Extremo-Oeste do Estado. O Conselho tutelar foi chamado para acompanhar o caso

Redação - Marcos Imprensa
NDMAIS

Uma mulher, que não teve a idade revelada, foi agredida com uma paulada pelo companheiro em São Miguel do Oeste, no Extremo-Oeste de Santa Catarina. A Polícia Militar foi acionada por volta da 1h30 na quarta-feira (23).  O Corpo de Bombeiros também foi chamado para atender a vítima, pois ela estava com um ferimento na cabeça.

No local, os policiais conversaram com a vítima, a qual contou que havia saído de casa com a chefe e que teria ingerindo bebida alcoólica. Após, ao chegar em casa, o companheiro não a deixou entrar. Eles discutiram e ele lhe deu uma paulada na cabeça. A vítima contou ainda que depois que foi agredida, ela entrou na casa para pegar o celular, momento em que viu um canivete e tentou jogar contra ele e após teria saído correndo.

A guarnição também conversou com o suspeito, um adolescente de 16 anos, o qual disse para a polícia que fazem alguns dias que ele e a companheira estão se desentendendo. O motivo da discussão da madrugada de quarta-feira foi que ela chegou em casa embriagada e começou a chamar ele de nomes, conforme o suspeito disse.

O adolescente disse ainda que ela teria jogado uma chaleira elétrica na direção dele e que ela estaria com um canivete nas mãos, e assim, para que ele pudesse se defender, deu uma paulada na cabeça dela. Segundo a polícia, o jovem disse também que costuma ser agredido pela companheira e que tem várias cicatrizes.


Após a conversa com os envolvidos, a guarnição chamou o Conselho Tutelar, registrou o boletim de ocorrência e apreendeu os objetos utilizados nas agressões. Com a vítima já atendida pelos bombeiros, o casal foi levado para a Delegacia de Polícia Civil de São Miguel do Oeste.

O caso foi registrado como lesão corporal leve-dolosa, ameaça e porte ou posse de arma branca, ou simulacro. Não há informações de se os envolvidos contam com histórico policial.

 


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp