21/07/2021 às 15h23min - Atualizada em 21/07/2021 às 16h10min

Rinoplastia Ultrassônica: conheça a técnica cirúrgica menos invasiva que é novidade no Brasil

SALA DA NOTÍCIA vanessa haddad
divulgaçao
Já ouviu falar de rinoplastia ultrassônica? Novidade no Brasil, a técnica é realizada no país há menos de 5 anos e pode ser executada somente por cirurgiões especializados e com experiência no manuseio de um instrumento chamado Piezo, considerado revolucionário na medicina. Trata-se de uma tecnologia nova que está associada aos grandes avanços da rinoplastia moderna, pois proporciona ao paciente uma cirurgia menos invasiva.

Para trabalhar com o Piezo é necessário uma curva de aprendizado longa e um conhecimento amplo da anatomia do nariz. O instrumento permite que o cirurgião plástico realize o procedimento sem a necessidade do uso do martelo para quebrar os ossos nasais. O médico Régis Ramos, especialista em rinoplastia, explica melhor a técnica revolucionária e inovadora.

"O Piezo proporciona a possibilidade de esculpir os ossos do nariz nos mínimos detalhes com um menor trauma ao paciente, devido à precisão milimétrica do seu corte, que preserva a integridade dos vasos sangüíneos, cartilagens e mucosas do nariz. Isso possibilita uma recuperação menos dolorosa e com pouca formação de fibrose, devido ao menor inchaço, se comparado à rinoplastia convencional. Essa técnica que dispensa o uso do martelo é um dos grandes avanços da rinoplastia moderna. Com a dispensa do uso do martelo, temos a possibilidade de esculpir os ossos do nariz nos mínimos detalhes", disse o médico, que é um dos poucos profissionais capacitados para esse tipo de cirurgia no Brasil.

Não há contraindicação para realizar a rinoplastia com o instrumento ultrassônico. No entanto, cada paciente é um caso único e suas necessidades de cirurgia plástica no nariz devem ser avaliadas por um médico especialista em rinoplastia.

Crédito: Divulgação/Reprodução internet
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Informações indisponíveis

0