04/08/2021 às 11h22min - Atualizada em 04/08/2021 às 13h30min

Joseense conquista medalha de ouro para o Brasil na Olimpíada Internacional de Economia

SALA DA NOTÍCIA Roberta Abrahao

Objetivo
O estudante do Ensino Médio Nícolas Goulart Moura, nascido em São José dos Campos, conquistou medalha de ouro para o Brasil na Olimpíada Internacional de Economia (IEO). Neste ano, em decorrência da pandemia, ela foi realizada de forma on-line pela Letônia, envolvendo mais de 250 participantes de 44 países, de 26 de julho a 1º de agosto.

Nícolas compôs a delegação brasileira junto com seu colega Sebastião Froes, ambos estudantes da 3ª série do Ensino Médio do Colégio Objetivo, localizado na capital paulista. Froes também foi medalhista do ouro.  O resultado contribuiu para a vitória do Brasil por três vezes consecutivas.

"Uma das maiores dificuldades da IEO é que é uma olimpíada nova e fora dos moldes convencionais: há, além da prova de Economia, um business game e uma simulação de investimentos. Desta forma, os alunos tiveram que se preparar para tudo o que pudesse aparecer. Essa conquista é um grande mérito dos estudantes que, apesar da pandemia, estavam muito motivados a estudar. Nós, do Objetivo, estamos muito felizes em ter contribuído para essa vitória", explica o  professor-orientador Lucas Galvão.


"Foram meses de muito esforço e dedicação, mas consegui conquistar a medalha de ouro, contribuindo para que  o Brasil  ficasse em primeiro lugar à frente de países como Estados Unidos, Canadá e Rússia. Participo de olimpíadas científicas desde os meus 11 anos e conquistei muitas medalhas em torneios estaduais e nacionais, mas essa é a primeira vez que alcancei premiação em uma edição internacional. Pretendo estudar Economia, e essa medalha facilitará minha entrada na Fundação Getúlio Vargas, FGV, em São Paulo, mas também foi oferecido uma bolsa integral para estudar na Escola Superior de Economia, em Moscou. São duas das muitas portas que se abrirão devido à conquista dessa medalha", conta emocionado Nícolas.

Assim também pensa o colega Sebastião Froes: "A IEO foi um dos maiores desafios do meu Ensino Médio. Comecei o meu preparo em meados do ano passado. Foi muito intenso, mas também prazeroso, pois meu progresso e destaque no assunto ficaram evidentes. Fi
quei muito feliz com a medalha de ouro, que é a concretização de todo meu esforço. Ela me ajudará a entrar em universidades tanto no Brasil como no exterior, o que também serviu como incentivo extra no processo de preparação", conclui Froes.



  

 


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp