Tv

Petróleo fecha em queda com aumento dos estoques nos EUA

Por Marcos Antonio em 22/01/2021 às 18:51:39
Preços do petróleo foram pressionados também pelos temores em torno do avanço da pandemia na China. Fábrica de refino de petróleo no Texas, EUA

Mark Felix/AFP

Os contratos futuros do petróleo fecharam em queda nesta sexta-feira (22), após a divulgação dos dados oficiais de estoques da commodity nos Estados Unidos, que indicaram uma alta maior do que o esperado na semana passada.

O contrato do petróleo Brent para março fechou em queda de 1,22%, a US$ 55,41 por barril, na ICE, em Londres.

O petróleo WTI, por sua vez, recuou 1,61%, a US$ 52,27 por barril, na Bolsa de Mercadorias de Nova York, apagando os ganhos no cumulado da semana e encerrando o período em leve queda de 0,17%.

De acordo com os dados divulgados mais cedo pelo Departamento de Energia dos EUA (DoE, na sigla em inglês), os estoques de petróleo nos EUA subiram o equivalente a 4,352 milhões de barris na semana passada, contrariando a expectativa de consenso, em levantamento do "Wall Street Journal", de queda de 1,3 milhão de barris na semana passada.

Também de acordo com os dados oficiais do DoE, os estoques de gasolina recuaram o correspondente a 259 mil barris na semana passada, a 245,217 milhões de barris, ante expectativa de alta de 2,1 milhões de barris no período.

Além dos dados de estoques, os preços do petróleo foram pressionados também pelos temores em torno do avanço da pandemia na China.

Pequim pediu aos trabalhadores urbanos que não viajem às suas províncias no longo feriado do Ano Novo Lunar em fevereiro para evitar a propagação veloz das infecções, ao mesmo tempo em que Xangai testará milhões de pessoas novamente. O gigante asiático é o maior importador de petróleo do mundo.

Vídeos: Últimas notícias de Economia

Fonte: G1

Comunicar erro

Comentários