04/05/2021 às 12h48min - Atualizada em 05/05/2021 às 00h00min

Dia do Trabalho: conheça 5 influenciadores que se destacam nas redes e também são empresários

Influenciadores digitais utilizam sua imagem para fazer parcerias com marcas e fortalecer os próprios empreendimentos

SALA DA NOTÍCIA Marina Sá
Foto: Reprodução/Instagram

O mercado de influenciadores digitais cresceu muito nos últimos anos e, em especial, em 2020, em decorrência da pandemia. Com a necessidade de ser digital, as empresas buscaram mais ainda influencers de nicho para impulsionar as vendas.

Mas o fato é que boa parte dos influenciadores digitais são também empreendedores e utilizam sua imagem para fortalecer suas próprias marcas. Há quem venda cosméticos, roupas, cursos, acessórios. O negócio fica duplamente lucrativo pelas parcerias estabelecidas e pelo tráfego do próprio público em busca de produtos e serviços disponibilizados pelos influencers.

Conheça os negócios de 5 influenciadores digitais: 

 

Patrícia Ramos começou a empreender muito antes de viralizar no TikTok no ano passado. Aos 17 anos abriu sua primeira loja, por influência da mãe, e mesmo depois de ingressar no mundo digital, não parou suas vendas. Seu e-commerce de roupas, Collection By Paty, aumentou 1000% após a fama e precisou passar por uma reestruturação para atender a demanda. Hoje, a página soma mais de 70 mil seguidores e vende 400 peças por mês pelo site. 

 

Xan Ravelli, apresentadora da Trace Brasil, além de produzir conteúdo multiplataforma, tem uma empresa de coquetéis engarrafados, a 50/25 Cocktail & Co. O negócio conta com a sociedade de seu esposo, Paulo Ravelli, que  já foi premiado pelo Guia Folha, por Melhor Negroni SP, e venceu o Jameson Bartenders Ball 2015. O casal estava prestes a abrir um bar quando a quarentena teve início, em São Paulo, e, então, passaram a vender garrafas de 375ml com diversas variações de negroni e outros drinques autorais. 

 

Matheus Tomoto, especialista em educação, começou a sua trajetória no empreendedorismo após vivenciar experiências de cursos e trabalhos ao redor do mundo. Desde 2018, Matheus investe na criação de edtechs voltadas para o ensino de qualidade de forma acessível e democrática. Entre elas estão a Universidade do Intercâmbio, o maior programa de oportunidades estrangeiras no segmento no país, a Tentacle, plataforma de aprendizado da língua inglesa e a Ocean Academy, espaço colaborativo com o propósito de ensinar habilidades e conhecimentos que  não são ensinados na escola. 

 

Francisco Caldas ensina, por meio de suas mentorias, como alinhar a sua fé e seus propósitos para prosperar na vida, pensando no empreendedorismo a favor do bem-estar espiritual. O cantor e mentor espiritual cristão ensina em suas redes sociais e mentorias especializadas como usar suas crenças religiosas para agregar no autoconhecimento, crescimento pessoal e desenvolvimento profissional. Caldas já ajudou a transformar mais de 60 mil vidas, por meio de seus aconselhamentos. 

 

Suzana Pires, a primeira atriz também autora de novela do Brasil, além de produzir conteúdo nas redes sociais, é empresária, empreendedora social e fundadora do Instituto Dona De Si, que tem como proposta acelerar talentos femininos, de microempreendedoras até altos cargos de liderança. O instituto nasceu em 2018, mas, com o início da pandemia do coronavírus, Suzana lançou o curso online ‘Jornada Transformadora Dona De Si’. Atualmente, são mais de 1 mil mulheres aceleradas e 10 milhões impactadas. A expectativa é dobrar esses números até o final de 2021. Além do Instituto, Suzana também possui a marca Dona De Si, que já licenciou bolsas e maiôs. 


 
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Informações indisponíveis

0