05/05/2021 às 11h30min - Atualizada em 06/05/2021 às 00h00min

Acordos comerciais entre Brasil e Argentina podem ajudar os dois países no pós-pandemia

Argentina é o quarto país que mais compra produtos brasileiros

SALA DA NOTÍCIA AIs Comunicação e Estratégia Ltda
Welber Barral - BMJ Consultores Associados
Mesmo antes da pandemia em 2019, as exportações para a Argentina tiveram queda considerável de 34% na comparação com o ano anterior devido às condições do país vizinho. Mesmo com tamanha redução na intenção comercial, o país se mantém na lista dos principais compradores de produtos brasileiros, sendo um dos principais parceiros do comércio exterior. Em 2019, a Argentina foi o quarto país que mais exportou produtos nacionais. O Brasil, por outro lado, é o principal parceiro comercial da Argentina.

Para entender os parâmetros dessa relação e como esses dois países podem reagir mutuamente diante de tantos desafios causados ​​pela pandemia de COVID-19, a BMJ Consultores Associados em aliança com a Confederação Nacional da Indústria (CNI) e a Câmara de Comércio, Indústria e Serviços Argentino-Brasileira da República Argentina (CAMBRAS) promove o Webinar “Relação Bilateral Argentina - Brasil".

A situação das relações político-comerciais bilaterais entre os dois países e perspectivas do bloco do MERCOSUL. O papel da política comercial, as oportunidades e desafios para a indústria brasileira e as perspectivas de recuperação econômica pós-pandemia 2021-2022, além das oportunidades e desafios para as empresas argentinas, estão entre os temas que serão debatidos.

Os convidados para a discussão sobre como ajudar os países a reconstruírem suas economias são Welber Barral, Sócio-Fundador do BMJ e ex-Secretário Nacional de Comércio Exterior do Brasil;  Constanza Negri - Gerente de Política Comercial da Confederação Nacional da Indústria (CNI), e Marcelo Elizondo - Membro Consultor da Câmara Argentina de Comércio, Indústria e Serviços da República Argentina da Argentina (CAMBRAS).

O evento será gratuito no dia 6 de maio, às 17h, com transmissão on-line.

Para fazer a inscrição, acesse o link: https://bit.ly/3aXKcsS.
 
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »