06/05/2021 às 14h46min - Atualizada em 06/05/2021 às 14h46min

Cidade de SC decreta luto oficial por família dizimada pela Covid-19

No Alto Vale do Itajaí, cinco pessoas da mesma família morreram em um intervalo de apenas 33 dias

Marcos Antonio - Marcos Imprensa
A prefeitura de Ituporanga, segunda maior cidade do Alto Vale do Itajaí, decretou nesta quarta-feira (5) luto oficial de três dias em solidariedade a uma família da cidade que perdeu cinco pessoas por conta da Covid-19 em um intervalo de 33 dias.
A primeira morte na família Almeida ocorreu no dia 2 de abril. Maria Rosimara de Almeida Hellmann, de 34 anos, chegou a ser internada no HBJ (Hospital Bom Jesus), mas não resistiu às complicações da doença.
O segundo integrante da família a morrer por conta do coronavírus foi Antônio de Almeida, oito dias depois da irmã Maria Rosimara. Ele morreu no Hospital Regional do Alto Vale, em Rio do Sul.No dia 24 de abril o patriarca da família, João Alci de Almeida, de 70 anos, também não resistiu às complicações da doença enquanto estava internado no HBJ, 22 dias depois de enterrar a filha Maria Rosimara e 10 dias após o enterro do filho Antônio.


Depois de perder dois irmãos e o pai, a quarta integrante da família a não resistir foi Zelirde Almeida, de 45 anos. Ela morreu na segunda-feira (3), um mês depois da morte da irmã mais nova. Zelirde estava internada na UTI do Hospital Bom Jesus.

Nesta quarta-feira (5), dois dias depois da morte do terceiro irmão, João Ercio Almeida, de 43 anos, também não resistiu a doença e morreu durante a madrugada.
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Informações indisponíveis

0