25/10/2021 às 11h12min - Atualizada em 25/10/2021 às 18h20min

ABDA é campeã brasileira sub-18 masculino e feminino de polo aquático

Time da Hípica, mantido pela ABDA, ficou com inédito terceiro lugar no masculino

SALA DA NOTÍCIA Sheila Junqueira - Assessoria de Imprensa ABDA
https://abdabauru.com.br/blog/2021/10/25/abda-e-campea-brasileira-sub-18-masculino-e-feminino-de-polo-aquatico/
Luiza Moraes/PAB

Após as conquistas recentes no Campeonato Brasileiro Interclubes Sub-20 de polo aquático, a Associação Bauruense de Desportes Aquáticos (ABDA) finalizou sua participação no Campeonato Brasileiro Interclubes Sub-18, ontem (24/10), com n ovas vitórias, mostrando ser uma potência inquestionável na base da modalidade no Brasil.

As equipes masculina e feminina da ABDA foram campeãs do Brasileiro Sub-18, competição realizada pela Liga Polo Aquático Brasil (PAB), na Arena ABDA, com apoio do Comitê Brasileiro de Clubes (CBC) e Confederação Brasileira de Desportos Aquáticos (CBDA). O time da Sociedade Hípica de Bauru (SHB), equipe mantida pela ABDA, ainda conquistou o inédito 3º lugar masculino ao vencer o time do Paineiras em 11 a 10.

Atletas da Hípica durante a cobrança de pênaltis da disputa de 3º lugar

Atletas da Hípica durante a cobrança de pênaltis da disputa de 3º lugar

Atletas da Hípica durante pênaltis da disputa de 3º lugar: garra e união levaram à conquista inédita

Masculino – Na decisão do terceiro lugar do masculino, no tempo normal, a Hípica chegou a ficar atrás no placar em 8 a 4, mas conseguiu finalizar a partida contra o Paineiras em 8 a 8, forçando a decisão por pênaltis por 11 a 10. O jogador da Hípica Ryan Cornélio ainda faturou a premiação de atleta revelação do campeonato.  “A Hípica conquistar sua primeira medalha no masculino foi bem inesperado, pois o campeonato foi forte e equilibrado. Mas, os atletas da Hípica ganharam a medalha na superação”, avaliou o técnico da equipe, Alexandre Dezani.

Na final do masculino, o time da ABDA venceu o Flamengo por 10 a 7, após uma campanha repleta de vitórias.  A partida final foi acirrada nos dois primeiros quartos, mas logo após o intervalo, a equipe da ABDA impôs seu ritmo de jogo e garantiu o título em casa. “O elenco mostrou força e muita garra durante o jogo. Esse elenco é maravilhoso, como capitão estou muito feliz e orgulhoso. Quero muito agradecer os técnicos e a diretoria da ABDA pelo apoio! Foi fantástico”, comentou o atleta e capitão da ABDA, Diego Ribeiro, à PAB, logo após a premiação.

Atletas da ABDA comemoram a conquista do título

Atletas da ABDA comemoram a conquista do título

Atletas da ABDA comemoram a conquista do título

Feminino - No feminino, o campeonato que contava com participação de três equipes foi disputado em ponto corrido, com os dois times com melhores campanhas fazendo o jogo da final, ontem, onde ABDA venceu o Sesi-SP por 13 a 9 e conquistou o título. O lamengo ficou na terceira colocação. A equipe da ABDA ainda teve a artilheira do campeonato Luana Bonetti, a atleta revelação Ana Julia de Barros Silva e MVP (jogadora mais valiosa) Kelbia Oliveira.

“As meninas da ABDA, Sesi-SP e Flamengo mostraram a evolução do polo aquático feminino. A competição foi difícil de conquistar, perdemos no começo, mas elas souberam administrar e reverter para chegar ao título. Estou orgulhoso e elas merecem muito”, afirmou o técnico da ABDA, Emerson Martins.

+ Confira mais fotos do Campeonato Brasileiro na GALERIA.

RESULTADO FINAL - CAMPEONATO BRASILEIRO SUB-18

MASCULINO

  • 1º lugar – ABDA
  • 2º lugar – Flamengo
  • 3º lugar – Sociedade Hípica de Bauru

Destaques

  • Goleiro menos vazado – Jhonatan Previlato - ABDA
  • Artilheiro – Frederico Carsalade – Flamengo
  • Atleta revelação – Ryan Cornélio – Hípica
  • Destaque arbitragem – Fernando Teodoro de Brito
  • MVP (jogador mais valioso) – Diogo Checchinato – goleiro do Sesi

FEMIININO

  • 1º lugar – ABDA
  • 2º lugar – Sesi-SP
  • 3º lugar – Flamengo

Destaques

  • Goleira menos vazada – Larissa Marina– Flamengo
  • Artilheira – Luana Bonetti - ABDA
  • Atleta revelação – Ana Julia de Barros Silva - ABDA
  • Destaque arbitragem – Andreia Ludmila Peixoto
  • MVP (jogadora mais valiosa) – Kelbia Oliveira – ABDA
Destaques:

Destaques:

Destaques: Ana Julia (revelação), Luana Bonetti (artilheira), Kelbia (MVP), Jhonatan (goleiro) e Ryan (revelação)

Crédito das fotos: Luiza Moraes/PAB


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Informações indisponíveis

0