188340992
Tv

Caçador:Réu é condenado a 7 anos de pena por homicídio

Vigilante, que matou jovem em posto em Caçador, vai responder em regime aberto

Por Marcos Antonio em 18/11/2020 às 21:15:26

Sidney Lima dos Santos foi condenado durante júri popular realizado nesta quarta-feira, 18, em Caçador. O réu recebeu pena de sete anos pela morte de Ronaldo Simão Rodrigues Prestes, o Bugrão e vai cumprir em regime aberto.

A pena está fundamentada no acolhimento do tribunal do júri de homicídio simples consumado e tentativa de homicídio. O réu poderá recorrer em liberdade, por ter residência fixa, emprego, família e não oferecer risco à sociedade.

O crime

O crime ocorreu em novembro do ano passado no Posto Dudo, dentro da loja de conveniência. O vigilante acertou dois golpes de faca na vítima na região da axila. O jovem cai desfalecido e morre ainda no local.


Ronaldo Simão Rodrigues Prestes, o Bugrão, foi morto aos 24 anos

Na ocasião, outro jovem foi esfaqueado pelo segurança, mas teve apenas ferimentos leves.


Acusação e defesa

De acordo com o promotor, André Guidi Caetano da Silva, o Ministério Público está satisfeito já que o conselho de sentença reconheceu todas as teses defendidas.

A defensora pública, Elaine Caroline Masnick, alegou legítima defesa, mas a tese foi rejeitada pelos jurados. Segundo ela, será estudada a possibilidade de recurso para diminuição da pena.

Os trabalhos do júri foram conduzidos pelo juiz André da Silva Silveira.

Fonte: Caçador Net

Comunicar erro

Comentários