09/11/2021 às 17h17min - Atualizada em 10/11/2021 às 00h00min

BNPL: conheça a nova tendência de pagamento parcelado no varejo

Modalidade divide total da compra em série de parcelas iguais, sem utilizar cartão de crédito

SALA DA NOTÍCIA Alice
istock
 

As compras a prazo são uma prática comum para o consumidor brasileiro há muito tempo. Agora, migraram para o digital, batizadas de “buy now pay later”, e vêm ganhando adeptos no mercado internacional. 

O termo, que em tradução literal para o português quer dizer "compre agora, pague depois", refere-se a um serviço que permite que os consumidores dividam o valor de suas compras, sem o uso de cartão de crédito, ou seja, é um benefício para o cliente, que não precisa consumir o limite do cartão, e para o lojista, que não deixa de realizar vendas. Além disso, o serviço chega também como solução para os consumidores desbancarizados, aqueles que sequer têm conta em banco.

Como funciona o buy now, pay later?

Ao contrário de um cartão de crédito tradicional, que envolve um acordo entre o consumidor e o banco, o buy now, pay later permite que o consumidor pague suas compras por meio de um empréstimo intermediado, geralmente por startups financeiras, que fazem a ponte entre a loja e o cliente.

O cliente que deseja ter esse meio de pagamento precisa selecionar a opção no momento de fechar o pedido. O processo é rápido e simples; para análise, é feita a coleta de dados básicos do consumidor, como CPF, e-mail e telefone, que no e-commerce são preenchidos previamente pelos sites. Após isso, a fintech faz uma checagem básica das informações financeiras do cliente. Se aprovado, o cliente escolhe em quantas prestações deseja pagar, mediante as condições disponíveis. As taxas de juros variam de acordo com a análise de crédito de cada consumidor.

Com a adoção do serviço, as empresas se beneficiam com o aumento da taxa de conversão do carrinho de compras e do volume de vendas, já que os consumidores terão mais possibilidades de pagamento. 

Entretanto, devido à ampla atuação da empresa no online, surge a necessidade de se ter o certificado digital MEI, para garantir transações fiscais de forma mais segura, prática e confiável, por meio da internet. 

Estatísticas internacionais e hábitos do usuário

Em uma pesquisa recente, com 2.005 norte-americanos, realizada por meio da plataforma online Mechanical Turk, da Amazon, 60% dos respondentes disseram que já usaram "buy now, pay later". De acordo com 38% dos usuários, os serviços BNPL irão substituir seus cartões de crédito, e mais da metade (56%) dizem que preferem o BNPL em comparação com o uso de cartões de crédito para compras.

Os principais motivos pelos quais os usuários preferem os serviços são de que é mais fácil de fazer pagamentos (45%), há mais flexibilidade em comparação com os cartões de crédito (44%) e o processo de aprovação é fácil (33%).  

A opção é especialmente atraente para os millennials – pessoas nascidas entre os anos de 1980 e 1994. De acordo com um estudo da PYMNTS, publicado no fim de 2020, 11,5% desse público usaram o serviço – quase o dobro da média. 


 
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp