Mercado BR

Japão pode prorrogar estado de emergência em Tóquio por 2 semanas; decisão sobre torcedores estrangeiros nas Olimpíadas fica para fim deste mês

Por Marcos Antonio em 03/03/2021 às 10:36:23

Kim Kyung-Hoon/Reuters

O primeiro-ministro do Japão, Yoshihide Suga, disse nesta quarta-feira (3) que o governo está cogitando prorrogar o estado de emergência na região de Tóquio por duas semanas devido à pressão dos casos de Covid-19 no sistema médico.

"Cerca de duas semanas serão necessárias, então gostaria de tomar uma decisão final depois de ouvir as opiniões de especialistas e pessoas envolvidas", disse Suga aos repórteres.

O país deve decidir no fim deste mês se receberá torcedores estrangeiros nos Jogos Olímpicos (veja abaixo).

Japão confirma que existe uma nova variante do novo coronavírus em circulação no país

Embora os casos novos de coronavírus tenham caído consideravelmente em relação a um pico do início de janeiro, a governadora de Tóquio, Yuriko Koike, disse na terça-feira que o ritmo do declínio diminuiu, expressando o receio de que possa não bastar suspender as restrições.

Ainda em janeiro, o governo impôs restrições de emergência a 11 de suas 47 regiões, com a previsão de mantê-las até 7 de março, mas suspendeu-as antecipadamente em todos os casos, menos na área metropolitana da Grande Tóquio, que inclui os municípios de Kanagawa, Saitama e Chiba.

Torcedores estrangeiros

O governo do Japão decidirá se permite que torcedores estrangeiros participem dos Jogos Olímpicos de Tóquio no fim de março, disse o ministro dos Jogos Olímpicos, Tamayo Marukawa, nesta quarta-feira (3).

A chefe do comitê organizador dos Jogos, Seiko Hashimoto, afirmou que gostaria de chegar a uma decisão até 25 de março.

As pesquisas mostram que a maioria dos japoneses se opõe à realização dos Jogos durante a pandemia de Covid-19.

O governo estava planejando proibir torcedores do exterior devido a temores de que eles espalhem o coronavírus, de acordo com uma reportagem do jornal "Mainichi", que usou fontes que não quiseram se identificar.

Uma pesquisa do jornal "Yomiuri" mostrou na quarta-feira que, se os Jogos acontecerem conforme o programado, 91% das pessoas no Japão querem que os espectadores sejam reduzidos ao mínimo ou não sejam permitidos.

A pesquisa, realizada entre 18 de janeiro e 25 de fevereiro, mostrou que 70% dos entrevistados disseram estar "interessados ​​nas Olimpíadas", mas 58% afirmaram que não queriam que elas fossem realizadas este ano por causa de temores em relação à Covid-19.

Veja os vídeos mais assistidos do G1

m

Fonte: G1

Comunicar erro

Comentários