19/10/2016 às 07h21min - Atualizada em 19/10/2016 às 07h21min

Curitibanos:Mulher é agredida e tem casa incendiada

Foto: Renato Westphal: DESTRUIÇÃO TOTAL. Casa já havia sido consumida quando bombeiros chegaram ao local

Na madrugada do sábado (8), o Corpo de Bombeiros e a Polícia Militar de Curitibanos foram acionados para atender a um incêndio em residência, no final da Rua Francisco Rauen, bairro Aparecida (divisa com o Pinho). Lá, os bombeiros depararam-se com uma casa totalmente em chamas.

Fora do imóvel, familiares de A.R.A., 63 anos, amparavam o idoso, com queimaduras em mais de 70% do corpo. Ele recebeu os primeiros socorros e foi conduzido ao Hospital Hélio Anjos Ortiz pela equipe do Samu. Segundo relataram, a vítima é vizinho do imóvel sinistrado e entrou na casa em chamas para socorrer a moradora E.M., 29 anos, sem saber que ela não estava na residência.

Quando os bombeiros ainda estavam no local, chegou a moradora do imóvel, com a face desfigurada por fratura de maxilar. Ela havia sido agredida, em via pública, segundo relatou aos policiais, pelo ex-companheiro E.B.L., 29 anos. Depois de espancá-la e deixá-la caída em um logradouro próximo, o agressor disse que iria atear fogo na casa.

Segundo testemunhas, antes de iniciar o fogo, um veículo de cor cinza ou prata havia entrado na rua sem saída. Um homem, desceu jogou algo dentro da casa e deixou o local. Logo em seguida, iniciou o fogo.

Os bombeiros tiveram de agir no socorro da dona de casa, que sangrava muito e tinha dificuldades para respirar, enquanto outra equipe controlava as chamas para não propagar para residências próximas. Foram utilizados, 11 mil litros de água na operação.

O delegado Fabiano Toniazzo, plantonista, encaminhou o inquérito policial à Delegacia de Proteção à Criança, ao Adolescente, à Mulher e ao Idoso (Dpcami), para investigação e apuração da autoria do sinistro. A residência ficou totalmente destruída, assim como móveis e utensílios domésticos.

O idoso, até o fechamento desta edição, permanecia internado na UTI e seu quadro era estável, mas grave.

Mais dois incêndios na região

Além do incêndio no Aparecida, outros dois imóveis foram atingidos pelo fogo, na região, esta semana.

Na noite de segunda-feira (10), na Rua Manoel Heck, bairro Universitário, em Curitibanos, o imóvel onde residia o casal G.A.S., 37 anos, e E.P., 39 anos, foi destruído pelas chamas. A dona de casa E.P. teve 40% do corpo queimado, sendo atendida pelos bombeiros e encaminhada ao Hospital Hélio Anjos Ortiz. Segundo relatou G., ele havia deixado uma vela acesa ao lado da cama, o que pode ter iniciado o sinistro, que resultou em perda total do imóvel, móveis e utensílios domésticos.

Às 3h22' de quarta-feira (12), o Corpo de Bombeiros de Curitibanos foi acionado para atender a um incêndio em São Cristóvão do Sul. No imóvel de madeira, as chamas já haviam atingido cozinha, banheiro e parte da sala e o primeiro atendimento foi realizado pela brigada de incêndio do município.

A residência estava desocupada, facilitando o controle do fogo. Os bombeiros informam que foram gastos aproximadamente dois mil litros de água para deixar o local em segurança. A Polícia Militar e a brigada de incêndio acompanharam o atendimento.

Fonte:Jornal Asemana

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp