08/02/2017 às 11h23min - Atualizada em 08/02/2017 às 11h23min

Mistério das cruzes em encruzilhada assombra moradores do interior de Fraiburgo

Cruzes são de pessoas da mesma família (Fotos: O Taquaruçu)

Um mistério assombrou moradores do interior de Fraiburgo nos últimos dias do mês de janeiro. Na encruzilhada da estrada que liga Taquaruçu a Passo da Raiz (Fraiburgo) e acesso a comunidade deLinha Moraes (Monte Carlo), três cruzes foram encontradas, fixadas sobre os palanques/mestres da cerca, amarradas com arame farpado, apontadas de fronte uma para outra, formando uma espécie de triângulo.

De acordo com informações de Edson de Lorenzi publicadas no blog O Taquaruçu, os moradores da comunidade Pedro Aleixo Felisbino, Edson de Lorenzi e João Aldair Prates foram até ao local e constataram que tratava-se de cruzes dos túmulos de três pessoas com o mesmo sobrenome: Ana Maria Palhano, Marcos Palhano e Francisco Palhano (Seu Chico).

As três cruzes foram colocadas na encruzilhada (Fotos: O Taquaruçu)

Os três corpos foram sepultados no cemitério de Taquaruçu de Cima. Ainda, de acordo com o blog, as três pessoas nasceram nascidas antes de 1910 e tiveram participação durante a Guerra do Contestado.

O blog afirma que foram feitas orações no local, retiradas às cruzes e levadas de volta ao cemitério de Taquaruçu.

Dentre as hipóteses levantadas pelos moradores, estão a de que as cruzes tenham sido levadas por pessoas para fazer uma brincadeira ou algum “trabalho” voltado a crenças em fenômenos sobrenaturais.

Os moradores consideraram o ato como extremamente desrespeitoso principalmente por se tratar de pessoas que fizeram parte da história e da construção da comunidade.

Fonte Notícias Hoje 

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp