18/05/2017 às 06h37min - Atualizada em 18/05/2017 às 06h37min

Hospital Hospital Hélio Anjos Ortiz alerta para prevenção de doenças de Inverno

Etiqueta da tosse pode prevenir transmissão de resfriados e gripes

- Redação Marcos Imprensa

Problemas respiratórios, gripes e resfriados começam a se tornar mais comuns a partir do momento em que caem as temperaturas. Em Curitibanos, a emergência do Hospital Hélio Anjos Ortiz já atendeu a 45 casos relacionados a doenças mais comuns no Inverno e os profissionais alertam para a prevenção.

De acordo com a enfermeira Karin Cristina Denardi, responsável pela Comissão de Controle de Infecção Hospitalar (CCIH), medidas simples podem precaver grandes transtornos, como evitar locais de grande aglomeração de pessoas, manter sempre alguma forma de ventilação nos ambientes para circulação de ar, alimentar-se com todas as vitaminas necessárias ao corpo, higienizar as mãos, seguir a etiqueta da tosse e vacinar-se contra a gripe.

Ela revela que, em 2016, de janeiro a maio, foram 21 atendimentos relacionados a doenças de Inverno na Emergência - dez de Influenza, dez de bronquite e um de pneumonia. Já este ano, foram 45 atendimentos - 16 de asma; 12 de bronquite aguda; nove de Influenza; três de bronquiolite aguda; três de insuficiência respiratória; e um de pneumonia. Em casos de resfriados, a enfermeira orienta que, antes de ir à Emergência, o paciente procure uma unidade de saúde. "Todos serão atendidos na Emergência, mas, como trabalhamos com prioridades, pode ser que demore mais que na unidade de saúde, gerando aglomeração de pessoas e podendo resultar até em agravamento da doença", esclarece. 

 

SOBRE A CLASSIFICAÇÃO

A classificação de risco para atendimento é uma exigência da Rede de Urgência e Emergência, da qual o HHAO faz parte. Ao chegar à Emergência, após triagem feita por um enfermeiro, o paciente recebe uma etiqueta que classifica a necessidade de atendimento.

 

Doenças comuns no inverno:

 

 

 

Fonte: Hospital São Luiz | Foto: Somar Meteorologia 

Imformações Jornal Asemana

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp