27/12/2021 às 14h28min - Atualizada em 27/12/2021 às 14h28min

Calmon decreta situação de emergência pela estiagem

Falta de água pode comprometer culturais anuais do município além da produção de leite e criação de animais

Marcos Imprensa - Marcos Imprensa
Por: Assessoria de Comunicação
O prefeito de Calmon, Helio Olenka (Tike) decretou em 23 de dezembro situação de emergência pela escassez e falta de água que atinge principalmente as propriedades rurais.

A falta de água pode provocar perdas significativas, com impactos diretos na produção leite, gado, aves, suínos, também danos e prejuízo na agricultura e culturas anuais do município.


O decreto, de número 105/2021 publicado no site oficial do município – www.calmon.sc.gov.br, entra em vigor na data de sua publicação, vigorando pelo prazo de 180 dias.
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Informações indisponíveis

0