10/01/2022 às 14h42min - Atualizada em 11/01/2022 às 11h31min

Quais problemas de saúde podem surgir pela falta de higiene bucal?

SALA DA NOTÍCIA Victor
 

A falta de higiene bucal pode comprometer gravemente a saúde bucal do indivíduo. Isso porque, a boca é a porta de entrada para que diversas bactérias se alojem no organismo e o deixe adoecido. Quer entender mais sobre o assunto? Confira o conteúdo a seguir!

 

A ausência de cuidados com a saúde bucal pode comprometer não só a estética do sorriso, mas a saúde do indivíduo de um modo geral. 

 

Isso acontece porque, geralmente, os pacientes que não cuidam da sua higiene bucal ignoram o fato de que a boca é repleta de bactérias prejudiciais para a saúde. 

 

Ao longo deste conteúdo, iremos discutir quais são os problemas bucais mais comuns, como cuidar da saúde dos dentes e qual profissional deve ser regularmente visitado mesmo sem o aparelho dental transparente para evitar o agravamento de doenças bucais.

 

Boa leitura!

Problemas bucais mais comuns 

A falta de higiene bucal pode causar diversos problemas, entre eles:

  1. Perda dos dentes

A principal causa da perda dos dentes é a inflamação na gengiva, ou melhor a famosa gengivite. Essa doença causa inchaço e vermelhidão na gengiva e compromete a base que sustenta os dentes e pode levar a perdas. 

 

Para prevenir a perda dos dentes, é fundamental que o idoso busque um dentista para que o especialista realize uma avaliação a fim de evitar problemas bucais graves. 

  1. Cáries

Uma pessoa que não cuida da saúde bucal e usa aparelho ortodôntico transparente tende a sofrer mais com doenças bucais e um desses problemas mais comuns é a cárie e a gengiva retraídas. 

 

Esse tipo de problema deixa a raiz do dente mais exposta – o que aumenta as chances do paciente ter ‘cárie na raiz’. 

 

A cárie é um problema muito comum, mas não deve ser levada como um problema simples, porque dentes saudáveis são essenciais para uma mastigação e digestão eficazes. 

  1. Gengivite

A gengivite nada mais é do que uma inflamação na gengiva, que é causada também pela falta de cuidados com a higienização. 

 

Entre os principais sintomas da gengivite está a vermelhidão, sangramento e mau hálito. 

  1. Periodontite

É uma doença bacteriana que acomete os tecidos, ligamentos e ossos que sustentam os dentes. 

 

Podemos dizer que a periodontite é um agravamento da gengivite. No entanto, é importante ir ao dentista nos primeiros sinais de vermelhidão, pois ao contrário da gengivite, a periodontite não tem cura, mas sim um tratamento para que a doença não evolua. 

  1. Mau hálito 

O mau hálito é um dos problemas bucais mais comuns, mas ele também acontece devido a falta de higienização das lentes para dentes e da língua. 

 

Por isso, o recomendado é escovar os dentes, passar o fio dental e escovar a língua. Ao escovar a língua remove os restos de alimentos, que formam a saburra e causam o mau hálito. 

  1. Endocardite bacteriana

A endocardite bacteriana é uma infecção causada por bactérias que chegam ao coração através da corrente sanguínea, mas são originadas na boca devido a má higienização dos dentes. 

 

A endocardite é considerada uma doença grave, pois compromete o revestimento interno do coração (endocárdio) e geralmente também afeta as válvulas cardíacas, o que pode levar o paciente a óbito. 

Como cuidar da saúde bucal diariamente 

Para cuidar do seu sorriso, basta ter em mãos:

 
  • Escova adequada ao tamanho da boca;
  • Pasta de dente; 
  • Fio dental para eliminar restos do aparelho de porcelana;
  • Limpador de língua; 
  • Enxaguante bucal. 
 

Para escovar os dentes é muito simples, faça movimentos circulares nos dentes da frente e de vai e vem nos dentes de trás. 

 

Após limpar a sujeira que fica em sua superfície, passe o fio dental. Ele é responsável por eliminar os restos de alimentos que ficam entre os dentes e a gengiva e isso evita que a inflamação desse tecido se desenvolva. 

 

Depois dos dentes estarem livres de restos de alimentos, escove a língua e remova toda a camada branca que está sobre ela, depois basta fazer um bochecho com o enxaguante bucal. 

Mantenha a saúde bucal em dia e visite um dentista com frequência

Os problemas que mencionamos anteriormente poderiam ser evitados facilmente se o paciente com alinhadores ortodonticos invisiveis realizasse acompanhamento, pelo menos, a cada seis meses, conforme orientação dos especialistas. 

 

As consultas de rotina são essenciais para o combate às doenças bucais, pois é nesse momento que o dentista avalia, diagnostica doenças e traça o melhor tratamento para evitar o agravamento delas. 

 

Portanto, para ter uma saúde bucal em dia, visite o dentista regularmente. 


Conteúdo desenvolvido pela equipe do Status Fit Center, blog criado com o intuito de melhorar a saúde e o bem-estar por meio de conteúdos que reforçam a importância dos cuidados regulares.
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Informações indisponíveis

0