12/01/2022 às 18h05min - Atualizada em 13/01/2022 às 00h01min

Durante Expedição em Santo Amaro (MA), SAS Brasil realiza mais de mil atendimentos médicos gratuitos e beneficia mais 6. 500 pessoas

Odontologia, oftalmologia, otorrinolaringologia e ginecologia foram algumas das 7 especialidades oferecidas para os moradores da cidade em dezembro

SALA DA NOTÍCIA Agência Oliver Press
Divulgação SAS Brasil

Entre os dias 9 e 11 de dezembro, a startup social SAS Brasil realizou atendimentos médicos gratuitos na sua Unidade de Telemedicina Avançada (UTA), em Santo Amaro, no Maranhão. Foram três dias de atendimentos focados na triagem e atendimento de crianças e consultas para adultos, que foram triados no mutirinho realizado em junho, na cidade. Ao todo mais de mil pessoas foram atendidas; mais de 6. 500 foram beneficiadas; mais de 2.300 exames foram realizados, gerando uma economia de aproximadamente R$ 259.920 mil e 498.180 KM, que seriam gastos com o deslocamento dessas pessoas para serem atendidas em outras regiões.
 

Oftalmologia, odontologia, nutrição e otorrino foram as especialidades oferecidas para as crianças, que, conforme cada caso, também foram encaminhadas para um atendimento de pediatria online. Já as especialidades ginecologia, odontologia, dermatologia, otorrino e clínico geral foram oferecidas para os adultos. 


Exame oftalmológico infantil no primeiro dia da Expedição de Santo Amaro (MA). Foto: Divulgação SAS Brasil

 

"Em nossa última expedição do ano, conseguimos beneficiar mais de 6.500 pessoas das comunidades Satuba, Rio Grande, Cocal, Sangue, Buritizal, Boa Vista e a da sede. Realizamos consultas e exames, dando continuidade aos atendimentos realizados em junho com a triagem de adultos, além de fazermos também a triagem e os atendimentos das crianças, agora em dezembro. No próximo ano, seguiremos atendendo a população na nossa Unidade de Telemedicina Avançada (UTA), que é uma estrutura toda adaptada com consultórios e equipamentos de ponta para realização de exames, triagem de câncer de colo de útero e de pele, cirurgias odontológicas e muito mais”, explica Adriana Mallet, médica e CEO da SAS Brasil.  

 

As mulheres triadas pelo mutirinho, no mês de junho, passaram por atendimento odontológico, procedimentos médicos e exames. Além disso, mais de 80 mulheres interessadas puderam colocar o Dispositivo Intrauterino (DIU), método contraceptivo, através do projeto piloto da SAS Brasil.

 

Com apoio de estudantes de medicina da Faculdade São Leopoldo Mandic, 300 crianças foram triadas por dia de ação, para atendimentos oftalmológicos, odontológicos, nutrição e otorrino e também, caso necessário, elas serão encaminhadas para consultas online com pediatras. Além disso, todas elas passaram por uma aula de educação em saúde bucal e saúde alimentar e a “super fórmula”, que consiste em uma apresentação lúdica de um voluntário fantasiado de super herói que faz o albendazol (vermífugo infantil) virar uma “super fórmula”, a fim de deixar as crianças com menos medo de tomar medicamento, o que faz com que elas corram para a fila para serem medicadas.

 


Criança em aula de educação bucal no primeiro dia da Expedição de Santo Amaro (MA), em 09/12/21. Foto: Divulgação SAS Brasil

 

A fim de capacitar os profissionais de saúde de Santo Amaro, foram oferecidos treinamentos para atuação em UTIs covid, como parte do projeto Capacita. A ação contou com o apoio de 87 voluntários, entre profissionais de saúde, docentes e alunos de medicina da Faculdade São Leopoldo Mandic, que também auxiliaram no acolhimento dos pacientes durante a expedição, e na capacitação de 17 profissionais de saúde da cidade.

 

Entre os parceiros da SAS Brasil para essa expedição, estão a Reserva, Óticas Joá, Grandvision, Instituto P4, Mercedes-Benz do Brasil, Ministério Federal de Cooperação Econômica e Desenvolvimento da Alemanha, DEG/KfW, Philips Foundation, Philips Brasil, Roche, AmigoH - eixo social do Hospital Albert Einstein, Faculdade São Leopoldo Mandic, EuSaúde e LaRoche-Posay:

 

A São Leopoldo Mandic, que também realiza ações de voluntariado corporativo e disponibiliza profissionais para atuação durante as expedições da SAS Brasil, auxiliou nas triagens e recepção dos pacientes. 

“Mais uma vez, nossos estudantes tiveram a oportunidade muito valiosa de participar de uma atividade de extensão”, diz Fabiana Succi, Diretora do curso de graduação em Medicina da Faculdade São Leopoldo Mandic. “Sabidamente, participar de atividades desta natureza, proporciona ganho cognitivo, pessoal e profissional, além de contribuir para o desenvolvimento de todas as competências esperadas para o profissional de excelência. Pela primeira vez, teremos estudantes de todos os períodos. A disponibilidade dos nossos jovens alunos nos dá orgulho e esperança”, finaliza.

 

A Reserva, marca de roupas brasileira que pertence ao Grupo AR&Co, doou mil óculos para ações da SAS Brasil ao longo de todo o ano. Assim, os pacientes que tiveram óculos de grau prescritos durante a ação poderam escolher uma armação das Óticas Joá e da Ótica GrandVision, que doarão, também, as lentes. Os óculos serão confeccionados e entregues posteriormente.

 

Para realizar toda a ação, a SAS Brasil contou com uma Unidade Móvel de Saúde, já estacionada na região e uma Unidade de Teleatendimento (UTA) em Santo Amaro, próxima ao hospital municipal. A estrutura está equipada com consultórios especializados para procedimentos odontológicos, clínicos e até pequenas cirurgias ginecológicas e dermatológicas. Além disso, mais uma unidade móvel itinerante está se deslocando para a realização dos atendimentos. As duas carretas foram doadas este ano pela Mercedes-Benz do Brasil com o apoio do Ministério Federal de Cooperação Econômica e Desenvolvimento da Alemanha, via DEG/KfW, que está contribuindo com 4,5 milhões de Euros para o projeto de oito caminhões da saúde que percorrerão todo o País nos próximos três anos. 

 

A SAS Brasil também utiliza equipamentos de ponta doados pela Philips Foundation,  que, em conjunto com a Philips Brasil, realizou a capacitação (conhecimento e especialização) dos profissionais de saúde sobre essas soluções. Todas as UTAs da startup social já estão equipadas com ultrassom, eletrocardiograma, colposcópio, entre outros aparelhos fornecidos  pela Philips Foundation..

 

Outros patrocinadores da expedição são: a Roche Farma Brasil, o AmigoH, eixo social do Hospital Albert Einstein para ações de oncologia e o EuSaúde, empresa especializada em telemedicina, prestará teleatendimento médico a 25 mil beneficiários do programa continuado de assistência em saúde para famílias carentes, realizado pela SAS Brasil.

 

Sobre a SAS Brasil:

Mais que uma instituição de saúde do terceiro setor, a SAS Brasil é uma startup social que tem como missão conectar pessoas, inovação e propósito para promover soluções de acesso à saúde especializada no Brasil. Desde 2013, atua de forma itinerante em cidades carentes de acesso a médicos especialistas, resolvendo os problemas de saúde de ponta a ponta, da prevenção ao diagnóstico e tratamento. A partir de 2020, a SAS Brasil passou a atuar nos formatos presencial e remoto (com a liberação da telessaúde). Com isso, já são mais de 130 mil pessoas beneficiadas em mais de 300 cidades de 21 estados brasileiros. Para mais informações, acesse o site da SAS Brasil.

 

Informações à Imprensa - Oliver Press:

[email protected]

 

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Informações indisponíveis

0