17/01/2022 às 15h16min - Atualizada em 18/01/2022 às 00h00min

Zambon amplia linha Fisiogen, destinada à suplementação alimentar de ferro

Os novos produtos da farmacêutica italiana têm tecnologia Sucrossomal®, que garante maior absorção e biodisponibilidade do ferro no organismo

SALA DA NOTÍCIA Carla Espino
https://www.zambonpharma.com/br/pt/
Divulgação
Taquicardia, fadiga, cansaço, irritabilidade e falta de disposição são alguns dos sintomas da deficiência de ferro no organismo, problema que afeta principalmente mulheres e crianças, prejudicando a qualidade de vida e até o desenvolvimento escolar.

Entre as mulheres, 27% das que estão em idade fértil (entre 20 e 49 anos) sofrem com a má absorção de ferro, índice que salta para 50% quando se trata do universo feminino com distúrbios menstruais. Metade das mulheres que realizaram cirurgia bariátrica também apresentam o problema, assim como 37% das gestantes em todo o mundo.

“De fato, há um aumento na necessidade de ferro durante alguns períodos da vida: na adolescência, na gravidez e durante o período menstrual. Por isso é importante realizar exames de rotina para verificar a concentração de hemoglobina, hemácias e ferritina, e realizar a suplementação, quando necessário”, explica a coordenadora de Assuntos Médicos da Zambon, Laís Oushima.

As hemácias ou glóbulos vermelhos são as células do sangue responsáveis pelo transporte de oxigênio e gás carbônico no organismo. Elas levam oxigênio a todas as células do corpo e conduzem o gás carbônico até os pulmões, para ser eliminado, posteriormente. Cada hemácia é composta pela hemoglobina, uma proteína que necessita de ferro para ser produzida.

Para colaborar com a suplementação alimentar em todas as fases e momentos da vida – e auxiliar na prevenção das deficiências de ferro -, a farmacêutica italiana Zambon, que atua no Brasil há mais de 60 anos, amplia o portfólio da sua linha Fisiogen®. São dois novos produtos com a tecnologia Sucrossomal® que representam uma nova geração de suplementos de ferro que garantem maior absorção e biodisponibilidade no organismo. “A chegada dos novos suplementos da linha Fisiogen no mercado brasileiro vem de encontro com as necessidades de cada indivíduo: concentrações de ferro de acordo com as diferentes necessidades, sem gosto metálico e sem provocar irritação gastrointestinal, o que gera maior adesão ao uso do produto e maior eficácia”, destaca Marco Mizoguchi, gerente de marca da linha de Saúde Feminina da Zambon.

A linha Fisiogen® conta com opções para prevenção e suplementação de ferro para adolescentes, adultos e gestantes. Com apresentações em cápsulas e em suspensão. Confira:

• Fisiogen Ferro® – versão em cápsulas com 14 mg de ferro Sucrossomal® e vitamina C. Recomendado para prevenção e suplementação quando há riscos de deficiência de ferro em crianças (4 a 18 anos) e adultos (≥19 anos). Cada unidade contém 30 cápsulas.
• Fisiogen Ferro Forte® – versão em cápsulas com 30 mg de ferro Sucrossomal® e vitamina C. Recomendado para adultos (≥19 anos) e para gestantes. Cada unidade contém 30 cápsulas.
• Fisiogen Ferro Kids® – versão em suspensão com 7 mg de Ferro para cada 1,5ml. Recomendado para prevenção da deficiência de ferro e suplementação em crianças com idade acima de 3 anos até 18 anos. Embalagem com seringa dosadora. Indicação de consumo de 1,5 ml ao dia. Sem glúten, lactose, proteína do leite ou corantes. Contém 1 sachê para reconstituição de 1,9 g em 1 frasco de 45 ml.

Os novos produtos da linha Fisiogen® estão aprovados pela Vigilância Sanitária e disponíveis nas farmácias brasileiras comercializados com valores entre R$ 79,90 e R$ 109,90.

Principais benefícios:
• Pode ser recomendado para crianças, adultos e gestantes
• Não possui sabor metálico desagradável
• Não causa irritação gastrointestinal
• Graças à tecnologia Sucrossomal é altamente biodisponível e bem tolerado em comparação às formulações de ferro convencionais
• Reduz os efeitos indesejados comuns na suplementação de ferro

Atenção: Os produtos da linha Fisiogen não são medicamentos. Seu uso precisa ser acompanhado por um profissional da saúde.

Referências:
1. Prevalence of anaemia in women of reproductive age (%). World Health Data Platform. Disponível AQUI em 09 mar 2021
2. Rodrigues, Lilian P., & Jorge, Silvia Regina P. F. Deficiência de ferro na mulher adulta. Revista Brasileira de Hematologia e Hemoterapia, 32(Suppl. 2), 49-52. Epub June 07, 2010
3. Steenackers, N., Van der Schueren, B., Mertens, A., Lannoo, M., Grauwet, T., Augustijns, P., & Matthys, C. Iron defi ciency after bariatric surgery: What is the real problem? Proceedings of the Nutrition.
4. Prevalence of anaemia in pregnant women (%). World Health Data Platform. 2021. Disponível AQUI em 09 mar 2021 Society, 77(4), 445-455. 2018.
5. Folheto Fisiogen Ferro
6. Folheto Fisiogen Ferro Forte
7. Folheto Fisiogen Ferro Kids
8. Brilli E, Romeno A, Fabiano A, et al. Sucrosomial® Technology Is Able to Promote Ferric Iron Absorption: Pre-Clinical and Clinical Evidences. Blood. 2016;128(22):3618
9. Visciano B, Nazzaro P, Tarantino G, Taddei A, Del Rio A, Mozzillo GR, Riccio E, Capuano I, Pisani A. Il ferro liposomiale: una nuova proposta per il trattamento dell’anemia nei pazienti affetti da insufficenza renale cronica [Liposomial iron: a new proposal for the treatment of anaemia in chronic kidney disease]. G Ital Nefrol. 2013 Sep-Oct;30(5):gin/30.5.7. Italian. PMID: 24402627
 
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp