14/03/2022 às 15h01min - Atualizada em 14/03/2022 às 15h01min

Polícia prende mulher que tentou matar o marido em Caçador

Mulher fez gritaria em frente ao hospital questionando porque o homem não morreu

Marcos Antonio - Marcos Imprensa
Ass. Imp. Polícia Militar
Uma mulher foi presa pela Polícia Militar (PM) nesta segunda-feira, 14, depois de esfaquear o marido e promover uma gritaria na frente do hospital Maicé, questionando porque o homem não morreu. O fato ocorreu após a PM ser acionada, pois o homem havia dado entrada vítima de golpe de arma branca.



Os hospitais são obrigados à acionar a polícia sempre que um paciente der entrada com ferimentos que podem ser indício de crime.
No hospital, os bombeiros informaram os policiais militares que a lesão aparentemente era grave, o lesionado era um homem. A suspeita de autoria do golpe de faca a esposa da vítima, que na frente do hospital gritava: "eu devia ter te matado! Porque você não morreu?".


O homem relatou que teve uma discussão com a esposa, que pegou uma faca grande e atingiu um golpe na região da costela na lateral esquerda de seu corpo.


A mulher relatou que o marido é usuário de crack, falou que ia sair de casa para comprar leite às 21h e só voltou para casa às 2h da madrugada. Ainda falou que há quatro anos tenta largar o marido, porque sempre sai e não volta, pega as coisas de casa para vender e trocar por droga. Afirmou que o homem pegou o botijão de gás, vendeu e comprou droga. Ao reclamar para ele, o marido disse que era obrigada a ficar com ele porque têm filhos juntos. Como estava cansada da situação, deu a facada no marido para lhe matar, que só assim poderia encerrar a situação.
Diante dos fatos, a mulher foi presa por tentativa de homicídio.
 
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp