20/09/2021 às 11h26min - Atualizada em 21/09/2021 às 00h00min

Tummy Time: Como e quando deixar o bebê de barriga para baixo?

A pediatra Patty Terrível comenta a importância do Tummy Time e diz como praticar

SALA DA NOTÍCIA Eduardo Domingos
Pexels Helena Lopes
Quando o assunto é desenvolvimento dos bebês, não se pode deixar o Tummy Time de fora, que não é nada mais nada menos do que quando os pais colocam o bebê de bruços por um tempo e é importante para ajudar o bebê a alcançar os principais marcos do desenvolvimento físico, como fortalecimento do pescoço e tronco. Apesar de essa técnica já ser reconhecida, muitos pais sentem dúvidas em como, quando e por quanto tempo fazer, por isso a Dra Patrícia Terrível, pediatra humanizada traz alguma dicas importante para essa hora tão importante.

O tempo ideal para se iniciar o Tummy Time é no primeiro mês de vida, a princípio o bebê pode reclamar um pouco, então pode-se começar a praticar deixando o bebê de bruços no colo da mãe por 2 a 5 minutos e repetir cerca de três vezes ao dia.

“Quando bebê começar a se habituar com a posição, a ideia é começar a deixá-lo por mais tempo e mais vezes ao dia e em locais diferentes, como cama, tapetinhos, cobertor no chão e sempre com supervisão, claro”, comenta a Dra. Patty.

A pediatra ainda acrescenta que para não se esquecer de praticar o Tummy Time, a mãe pode criar a rotina de deixar o bebê de bruços por 1 minuto em todas as trocas de fralda. Também é interessante deixar brinquedinhos por perto, para que ele possa tentar esticar as mãos para alcançar e virar o pescoço para observar.

“É importante que os pais não forcem o bebê a ficar nessa posição, tente deixá-lo confortável, deitar junto e brincar pode ajudar. E lembrar de não fazer esse exercício quando o bebê estiver irritado, com fome, sono, de barriga ou fralda cheia ”, finaliza.

Sobre a Dra. Patty Terrível
A Dra. Patricia Terrivel é médica pediatra, neonatologista, membro do departamento de aleitamento materno da Sociedade de Pediatria de São Paulo. Atualmente está em andamento o MBA em Gestão Hospitalar pela FGV. Além do atendimento presencial, é umas das idealizadoras do curso online “Papa sem Neura” em parceria com Nutricionista. Pró amamentação, idealizadora do projeto Corrente de Amor pelo SUS.

Informações para Imprensa: 
Eduardo | (11) 94725 0137 | eduardo@edoocomunicacao.com.br
Beatriz | (11) 9471 01288 | redacao@edoocomunicacao.com.br
 
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Informações indisponíveis

0